Para sua micro ou pequena empresa crescer e prosperar, saiba começar.

A partir de uma detalhada avaliação de pesquisas feitas por órgãos que apoiam as micro e pequenas empresas, como, por exemplo, o SEBRAE, concluímos que o principal motivo das dificuldades empresariais vivenciadas não está na competência técnica do empreendedor em seu segmento de mercado, mas principalmente em questões de ordem administrativa. O controle das despesas e receitas é um dos pontos mais deficitários. Por falta de conhecimento, de experiência ou de organização, a maioria das empresas não diferencia as contas da pessoa física e as da pessoa jurídica, bem como não sabem realmente qual a receita e a despesa da empresa.

Diante da dificuldade das empresas de perceberem a importância da organização e do controle para o sucesso das entidades empresariais, apoiamos a necessidade de investir no controle interno da empresa. Esse esforço tem como finalidade que as empresas tenham informações da real situação de seu fluxo financeiro, para que desse modo possamos, assessorá-los na consolidação de sua empresa através de relatórios gerenciais.

No entanto, as empresas não compreendem rapidamente a importância dessas informações. Muitos não percebem que dados inexatos permitirão apenas atender as questões de ordem legal e que uma vasta gama de informações essenciais será desprezada. Essa mudança de atitude é que deve ser buscada nas empresas, e é de grande importância para a sobrevivência do negócio.

Com isso apoiamos a idéia: Para sua micro ou pequena empresa crescer e prosperar, saiba começar.

Nesse sentido, podemos dizer que “saber começar” é, antes de abrir a Empresa, informar-se da atividade a ser desenvolvida, buscando fazer cursos, assistir palestras, ler livros, saber quem são os clientes e concorrentes, quais os impostos a pagar, os custos, os preços de venda, o investimento inicial, entre vários outros. Uma boa forma de começar é elaborar um Plano de Negócios que engloba boa parte dos itens mencionados acima.

Depois dos comentários acima, segue abaixo sugestões de alguns dos controles fundamentais a serem executados por todas as empresas:

• Controle das despesas dos sócios: Esse controle não seria especificamente da empresa, mas do sócio da empresa. Para realizá-lo o sócio deverá responder as seguintes perguntas: Quanto eu preciso retirar mensalmente da minha empresa? Qual deve ser o valor do meu Pró-labore? Esse é um bom inicio para separar as despesas dos sócios das da empresa. Para ajudar a Mark desenvolveu uma Planilha de Controle Financeiro Pessoal. Clique no link ao lado: Controle Financeiro Pessoal e veja mais detalhes.

• Controle das receitas e despesas da empresa: Com esse controle você consegue visualizar os valores exatos do faturamento e das despesas e verificar se seu negócio está apresentando os resultados esperados. Além disso, com esses dados em mãos, você pode iniciar uma série de outros controles, tais como: Controle de Caixa, Controle de Banco, Fluxo de caixa, Controle de contas a pagar e a receber, Apuração dos resultados, Projeção de resultados, Orçamentos, Controle de compras, Controle de Estoque, Ponto de equilíbrio. Resumindo, tem como ter informações para subsidiar a tomada de decisões na sua empresa.

Essas são apenas algumas dicas para você que pretende iniciar o seu negócio e encontra-se com dúvidas. Se precisar de alguma orientação ou esclarecimento, fique a vontade de mandar um e-mail para gente, teremos prazer em assessorá-lo. Email: contato@markcontabil.com.br

Os comentários estão fechados.